Take Ensina

Minha foto

Tenho uma produtora de videos a Take Seven video e produções e professor de cinema radio e TV também como professor de criatividade em propaganda criação publicitaria e velejar que sempre fez parte do meu DNA e agora, além de minha maior diversão, é também o meu trabalho. Quiseram as forças do destino, com a ajuda de alguns amigos, que eu embarcasse na tripulação da DYC, uma empresa de excelência na locação de veleiros de 36 a 41 pés, atuando como skyper e responsável pelas vendas em São Paulo e região. Convido você a conhecer um pouco mais deste mundo feito de mar, sol e velejadas emocionantes, em Angra dos Reis, uma das paisagens mais bonitas do nosso litoral.
 .estas são minhas três principais atividades profissionais.  

sábado, 21 de novembro de 2015

Em cinco anos, vídeo corresponderá a 70% do tráfego móvel mundial

Em cinco anos, vídeo corresponderá a 70% do tráfego móvel mundial Por Redação | em 18.11.2015 às 08h21 Enviar por Email http://canalte.ch/S14R3 inShare Dados recentes do Mobility Report, estudo trimestral da Ericsson sobre telefonia, banda larga e infraestrutura, mostram que o tráfego de vídeo corresponderá a 70% do consumo de dados em redes móveis até o ano de 2021. O estudo analisou que, neste ano, o vídeo já representa metade do tráfego móvel mundial, enquanto o acesso às redes sociais soma 15% do tráfego. Em 2021, o tráfego das redes sociais representará 10%. De acordo com a Ericsson, o usuário já tende a preferir o consumo de vídeo e conteúdo por apps a realizar a navegação tradicional por sites na internet. A tendência é que isso se aprofunde nos próximos anos. A pesquisa também prevê um impacto gigantesco na capacidade das redes nos próximos cinco anos. Outro ponto avaliado pela pesquisa mostra que o tráfego mensal por usuário vai crescer 35% ao ano, passando da média mundial atual de 1,4 GB consumidos para 8,5 GB. Nos computadores, este tráfego será bem maior, passando de 5,8 GB ao mês para 20 GB mensais; e nos tablets de 2,6 GB para 9,7 GB. O total de tráfego móvel irá crescer dos atuais 5,3 exabytes para 51 exabytes, o que representa um crescimento de 45% ao ano. Já o tráfego em redes fixas passará de 60 exabytes atuais para 150 exabytes ao mês em 2021. Com o crescimento exponencial do tráfego em vídeo, as operadoras terão que aumentar os investimentos para aumentar a capacidade das redes. Segundo o Mobility Report, a tecnologia de backhaul que irá se destacar será a micro-ondas. Até 2020, 65% dos sites serão conectados por micro-ondas com capacidade de transmissão de até 40 Gbps. "Para levar as redes ao interior e áreas menos povoadas, a fibra não compensa", afirma Jesper Rhode, diretor de Marketing da Ericsson na América Latina. "Será, usada, mas concentrando-se na última milha, embora sua capacidade de transmissão seja muito maior". Para ele, o Brasil está preparado para seguir essa tendência graças à liberação das bandas de 70 GHz e 80 GHz pela Anatel. Via Tele Síntese

Matéria completa:
http://corporate.canaltech.com.br/noticia/internet/em-cinco-anos-video-correspondera-a-70-do-trafego-movel-mundial-52815/

O conteúdo do Canaltech é protegido sob a licença Creative Commons (CC BY-NC-ND). Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário